Consultas e exames na sede do CISTM continuam fazendo a diferença para pacientes da região

Em mais um dia de consultas oftalmológicas o Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Triângulo Mineiro – CISTM registrou presença maciça de pacientes pré agendados para cuidar da visão. E mais uma vez histórias de mudança de vida de crianças que só descobriram a necessidade de correção visual nos primeiros anos do ensino.

Histórias como a da Stela Silva, de apenas 6 anos. A paciente, acompanhada da mãe, a dona de casa Luciene Silva, já saiu da consulta com a receita para confecção dos óculos. Recurso que irá mudar a vida da criança na escola, pois foi em sala de aula que os professores perceberam que Stela tinha problemas na visão.

O mesmo cenário se repete com Raisso, de 9 anos. Foi na rede municipal de ensino de Tupaciguara que aos poucos os professores foram percebendo a necessidade de uso dos óculos.

O exame oftalmológico é uma demanda recorrente entre os municípios consorciados ao CSITM. Situação que atrai pacientes de todas as idades como dona Maria Aparecida, diferente das crianças, ela só apresentou necessidade de correção ocular agora aos 45 anos.

Para suprir as necessidades nesta especialidade o CISTM tem investido nesse procedimento e otimizado a marcação das consultas junto às secretarias municipais de saúde. Desde janeiro já foram realizadas 1.212 consultas de oftalmologia.

São ações desta natureza que vem contribuindo para desafogar o sistema de saúde na região em diversas especialidades. No próximo sábado (21/09), por exemplo, o CISTM realiza uma agenda extra com exames de colonoscopia para atender pacientes da cidade de Campinha Verde.